Informação proveniente do site www.toyotacaetano.pt, em 14-12-2017.
TOYOTA GAZOO Racing vence as 6h de Xanga Imprimir
 


TOYOTA GAZOO Racing vence as 6h de Xanga
     
A TOYOTA GAZOO RACING DOMINOU NO CIRCUITO CHINÊS, CONQUISTANDO A QUARTA VITÓRIA NO CAMPEONATO DO MUNDO FIA DE ENDURANCE 2017 (WEC), NUMA CORRIDA ONDE A TOYOTA TEVE MUITO PRÓXIMO DA “DOBRADINHA”
 
Sébastien Buemi, Anthony Davidson e Kazuki Nakajima no TS050 HYBRID #8 venceram a corrida com mais de uma volta de avanço, registando ainda a volta mais rápida do circuito naquela que foi a terceira vitória da TOYOTA em Xangai.
 
A equipa, no entanto, estava bem encaminhada para repetir a dobradinha da corrida anterior, quando uma colisão na contagem para o final danificou o TS050 HYBRID #7 de Mike Conway, Kamui Kobayashi e José María López, que acabou por terminar em quarto lugar.
 
Este resultado significa que a TOYOTA vai para a corrida final de 2017, no Bahrain, a 18 de novembro, com as mesmas quatro vitórias da Porsche. No entanto, a Porsche e os pilotos Timo Bernhard, Earl Bamber e Brendon Hartley alcançaram já em Xangai o título no campeonato de fabricantes e pilotos.
 
Quando a corrida começou, José María López arrancou da “pole” no Toyota #7, enquanto Sébastien Buemi perdeu uma posição, mas lutou para passar os dois Porsche. Com 26 carros em pista, o tráfego é sempre um desafio e José María López atingiu o carro LMP2 #26 com 30 minutos decorridos, perdendo oito segundos e caindo para o terceiro.
 
Próximo de uma hora de corrida o carro #7 recuperou uma posição, entrando na box para troca de piloto. Kamui partiu da box em segundo lugar, enquanto que o outro Toyota #8 não mudou de pneus e Sébastien Buemi passou a liderar a corrida.
 
Após duas horas, com praticamente todos os carros a realizarem as segundas paragens nas boxes, Kamui Kobayashi liderava no TS050 HYBRID #7 com Anthony Davidson logo atrás, mas com pneus novos no Toyota #8. Ambos estavam agora com uma boa vantagem para o Porsche #2, enquanto o Porsche #1 estava agora com uma volta de atraso.
 
Anthony Davidson colocou pneus novos e passou Kamui Kobayashi passando para a liderança, registando várias voltas muito rápidas para aumentar a sua vantagem antes de um período de bandeira amarela. Durante esse período ambos os TS050 HYBRID foram à box, com o Toyota #7 mudando dois pneus e com Mike Conway ao volante.
 
Os dois TS050 HYBRID continuaram a liderar para lá de meio da corrida e foram consistentemente mais rápidos. Kazuki Nakagima deu uma volta de avanço ao Porsche #2 em terceiro lugar com cerca de duas horas para o final da corrida e os pilotos abrandaram o ritmo para evitar correr riscos desnecessários.
 
A menos de uma hora do fim, na última paragem nas boxes, Sébastien Buemi trocou para pneus novos no Toyota #8, enquanto José María López apenas reabasteceu, o que o colocou na liderança. No entanto, um toque com o Porsche GT #91 danificou a parte traseira esquerda do TS050 HYBRID # 7 e obrigou a uma paragem de 13 minutos nas boxes.
 
O trabalho rápido da equipa de mecânicos permitiu que o Toyota #7 voltasse para a pista e ainda terminasse em quarto lugar, a sete voltas do primeiro. Sébastien Buemi alcançou a merecida vitória apesar de algo amarga, uma vez que a equipa merecia os dois lugares mais altos do pódio.
 
Hisatake Murata - Presidente da Equipa: "Alcançar a nossa quarta vitória da temporada é um sentimento realmente especial. Parabéns a toda a equipa pelo seu ótimo trabalho este fim de semana. Fomos mais rápidos em todas as sessões de treino, alcançamos a “pole” e agora ganhamos a corrida. Eu acho que mereceríamos a “dobradinha” e foi uma pena perder tempo no final da corrida devido ao contacto com um carro numa ultrapassagem. Parabéns à Porsche pelo Campeonato Mundial de pilotos e fabricantes. Continuaremos a lutar na corrida final, onde queremos terminar a temporada com outra vitória."
 
Resultados finais da TOYOTA GAZOO Racing:
TS050 HYBRID #7 (Mike Conway, Kamui Kobayashi, José María López)
Terminou em: 4º, 188 voltas, 7 paragens. Posição na grelha de partida: 1º.
Volta mais rápida: 1min 46.033segs
 
TS050 HYBRID #8 (Sébastien Buemi, Anthony Davidson, Kazuki Nakajima)
Terminou em: 1º, 195 voltas, 6 paragens. Posição na grelha de partida: 3º.
Volta mais rápida: 1min 45.892segs
 
Classificação final das 6 Horas de Xangai:
1º       #8 TOYOTA GAZOO Racing                  195 laps
2º       #2 Porsche (Bernhard/Bamber/Hartley)    +1 laps
3º       #1 Porsche (Jani/Lotterer/Tandy)             +1 lap
4º       #7 TOYOTA GAZOO Racing                  +7 laps
5º        #31 Rebellion (Canal/Prost/Senna)          +12 laps
6º        #36 Alpine (Lapierre/Menezes/Negrao)    +12 laps
 
Para fotografias (Alta Res. Sem Copyright): www.toyota-motorsport-photos.com
e video do TS050 HYBRID em: http://newsroom.toyota.eu/