Informação proveniente do site www.toyotacaetano.pt, em 15-12-2017.
Os dois Yaris WRC superam os desafios do México, somando pontos para a TOYOTA GAZOO Racing Imprimir
 


Os dois Yaris WRC superam os desafios do México, somando pontos para a TOYOTA GAZOO Racing
     
Após quatro dias da prova mais dura este ano, a equipa do mundial de ralis da TOYOTA GAZOO Racing garantiu pontos importantes com os dois Yaris WRC, que terminam no top 10 pela primeira vez com um 6º e 7º lugar depois de ter ganho a super especial de abertura.

O Rali teve início na quinta-feira, dia 9, no centro da Cidade do México na praça de Zócalo e começou da melhor maneira para a equipa TOYOTA GAZOO Racing com a vitória de Juho Hänninen e Kaj Lindström após as duas super especiais de abertura do Rali. Mas o rali é muito mais do que a “street stage” e o principal desafio no México é a combinação entre calor e altitude. A equipa teve que superar os mesmos problemas de superaquecimento que afetaram a maior parte das equipas na sexta-feira, mas cada piloto do Yaris WRC enfrentou as suas próprias dificuldades adicionais: Jari-Matti Latvala abriu a estrada durante o primeiro dia, enquanto Juho Hänninen esteve doente durante todo o evento. No final do rali, a TOYOTA GAZOO Racing mantem o segundo lugar em termos de fabricantes do Campeonato do Mundo de Ralis da FIA, enquanto que na classificação de pilotos: Latvala está em segundo lugar e Hänninen em 11º.

Tommi Mäkinen (Diretor da Equipa)
“Depois dos momentos fantásticos que tivemos em Monte-Carlo e na Suécia, este rali foi muito mais o tipo de situação que esperávamos para este ano, mas ainda assim deu-nos muita satisfação, com os dois pilotos a obter pontos pela primeira vez este ano e superando uma série de dificuldades para o conseguir. Portanto, estamos satisfeitos com o resultado e também com as informações que obtivemos sobre o que foi apenas o nosso primeiro rali em gravilha. Parabéns a todos os pilotos, co-pilotos, engenheiros e mecânicos que conseguiram levar até ao fim ambos os carros em circunstâncias muito complicadas. O que aprendemos será muito útil para o futuro."

Koei Saga (Sub-diretor da equipa)
"Apesar do grande resultado na Suécia, já esperávamos que o México fosse mais desafiador devido às altas temperaturas e à altitude. Depois de nossos testes, onde simulámos o máximo que pudemos, acreditamos que estávamos bem preparados. Mas os desafios que enfrentámos foram ainda mais difíceis do que o esperado. Tivemos um problema com sobreaquecimento na sexta-feira, mas graças ao trabalho dos nossos engenheiros e mecânicos, fomos capazes de resolver os problemas na manhã seguinte e levar ambos os Yaris WRC até ao fim no domingo, tendo confirmado durante o resto do rali que as soluções que encontrámos funcionaram. Com estas experiências e lições crescemos como equipa. Nesse sentido, este rali foi realmente importante. Sinto-me seguro de que podemos ser mais fortes quando testamos os nossos limites em competições mais difíceis nas estradas, que os nossos clientes usam. E isso leva-nos a criar carros cada vez melhores. Obrigado novamente aos fãs de todo o mundo, e que tive oportunidade de conhecer aqui no Rali do México. O vosso apoio significa muito."

Classificação ao final do 4º e último dia:
1 Kris Meeke/Paul Nagle (Citroen C3 WRC) 3h22m04.6s
2 Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Ford Fiesta WRC) +13.8s
3 Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupe WRC) +59.7s
4 Ott Tanak/Martin Jarveoja (Ford Fiesta WRC) +2m18.3s
5 Hayden Paddon/John Kennard (Hyundai i20 Coupe WRC) +3m32.9s
6 Jari-Matti Latvala/Miika Anttila (Toyota Yaris WRC) +4m40.3s
7 Juho Hänninen/Kaj Lindström (Toyota Yaris WRC) +5m06.2s
8 Dani Sordo/Marc Marti (Hyundai i20 Coupe WRC) +5m22.7s
9 Elfyn Evans/Daniel Barritt (Ford Fiesta WRC) +8m41.8s
10 Pontus Tidemand/Jonas Andersson (Skoda Fabia R5) +10m51.9s
(Resultados às 15:00 de domingo, para mais informação consulte o site: www.wrc.com )

Classificação de Pilotos no Campeonato Mundial de Ralis da FIA 2017 após a terceira ronda:
1 Sebastien Ogier 66
2 Jari-Matti Latvala 58
3 Ott Tanak 48
4 Dani Sordo 30
5 Thierry Neuville 28
6 Kris Meeke 27
7 Craig Breen 20
8 Elfyn Evans 20
9 Hayden Paddon 17
10 Stephane Lefebvre 10
11 Juho Hänninen 9

Classificação de Fabricantes no Campeonato Mundial de Ralis da FIA 2017 após a terceira ronda:
1 M-Sport World Rally Team 103
2 TOYOTA GAZOO Racing WRT 67
3 Hyundai Motorsport 65
4 Citroen Total Abu Dhabi World Rally Team 55

A próxima ronda do Campeonato Mundial de Ralis da FIA é em asfalto no lendário Tour de Corse na Córsega de 6 a 9 de abril. Esta quarta ronda do campeonato é a primeira em asfalto, conhecida pelo seu traçado sinuoso de curvas e contracurvas, é um novo desafio para a equipa do mundial de ralis da TOYOTA GAZOO Racing. O tempo na Córsega nesta época do ano pode ser incerto, logo os pilotos terão que estar preparados para qualquer eventualidade.

Especificações técnicas do Toyota Yaris WRC
No seguimento dos mais recentes regulamentos técnicos da FIA para a época de 2017 o Toyota Yaris WRC é uma nova geração de “World Rally Car” com mais de 380 cv.

-Motor
Tipo: 4 cilindros em linha, Turbo e injeção direta
Cilindrada: 1,600cm3
Potência Máxima: mais de 380 PS
Binário Máximo: mais de 425 Nm
Diâmetro / Curso: 83.8mm/ 72.5mm
Restritor de Ar: 36mm, de acordo com os regulamentos FIA
-Transmissão
Caixa de velocidades: 6 velocidades acionamento hidráulico
Transmissão às rodas: Tração às 4 rodas, 2 diferenciais mecânicos, diferencial central ativo.
Embraiagem: Disco de embraiagem duplo sinterizado.
-Chassis/suspensão
Frente/Traseira: Tipo Macpherson
Direção: hidráulica
Travões: 300mm arrefecido a ar e líquido, Asfalto: 370mm arrefecido a ar e líquido.

-Dimensões e Pesos
Comprimento / largura / altura: 4085mm (com kit aerodinâmico) /1,875mm / ajustável
Largura das vias: Ajustável
Distância entre eixos: 2,511mm
Peso mínimo: 1,190kg
-Performance
Velocidade máxima: 201 km/h (Característica do Rácio)

Para mais informação sobra da equipa aceda ao link: http://toyotagazooracing.com