Informação proveniente do site www.toyotacaetano.pt, em 12-12-2017.
TOYOTA GAZOO Racing sobe ao pódio nas 6h do Circuito das Américas Imprimir
 


TOYOTA GAZOO Racing sobe ao pódio nas 6h do Circuito das Américas
   
DEPOIS DE UMA LONGA LUTA PELA VITÓRIA, A TOYOTA GAZOO RACING TERMINOU A CORRIDA DE AUSTIN NO PÓDIO. NUMA EMOCIONANTE SEXTA RONDA DO CAMPEONATO DO MUNDO FIA DE ENDURANCE 2017 (WEC).
 
Os TS050 HYBRID recuperaram de uma sessão de qualificação difícil para realizar um bom desempenho na corrida de Austin (Texas), com o Toyota #8 de Sébastien Buemi, Stéphane Sarrazin e Kazuki Nakajima a terminar em terceiro, a 21,680 segundos do Porsche # 2, o vencedor após 1.058 km de corrida.
 
Mike Conway, Kamui Kobayashi e José María López no TS050 HYBRID #7 participaram também na luta emocionante terminando em quarto lugar. Com este resultado, os TOYOTA terminaram a corrida na mesma posição da geral em que começaram.
 
Logo no início da corrida, sob o sol intenso do meio-dia, ambos os TOYOTA travaram uma luta renhida com a Porsche e ao final da primeira volta, Sébastien Buemi já tinha passado o Porsche #2 subindo para a segunda posição, com o Mike Conway a subir para terceiro, alguns minutos depois.
 
Devido às temperaturas na ordem dos 34 °C, os regulamentos do WEC exigem que as equipas mudem os condutores em cada paragem. Logo na primeira paragem nas boxes, Kazuki Nakajima e José María López passaram a pilotar ambos os TOYOTA que não trocaram de pneus, apesar da troca de pneus por parte da Porsche.
 
Ao final de uma hora Kazuki Nakajima liderava a corrida ao volante do TS050 HYBRID #7, mas José Mara López, usando um composto de pneus diferente, acabou por sofrer maior desgaste caindo para quarto lugar, apesar de protagonizar uma luta roda-a-roda durante duas voltas com o Porsche #1.
 
Na próxima ronda de paragens nas boxes, Stéphane e Kamui assumiram os comandos dos TS050 HYBRID, com novos pneus do mesmo composto e mantiveram a luta com a Porsche, graças às suas rápidas paragens para colocar combustível. Nesta fase um impressionante desempenho de Kamui Kobayashi permitiu ultrapassar o Stéphane Sarrazin alcançando o terceiro lugar e reduzindo a distância para o Porsche # 2.
 
Passadas 3 horas de corrida, troca de pilotos e abastecimento de combustível, entrou o safety car durante 10 minutos aproximando os quatro carros LMP1 na frente, com Mike Conway em segundo e Sébastien Buemi em terceiro lugar.
 
Quando a corrida reiniciou os TS050 HYBRID, com pneus usados, tentaram segurar as posições para um Porsche #2 com pneus novos. Desta feita, Mike Conway caiu para quarto, enquanto Sébastien Buemi defendeu temporariamente o seu segundo lugar até à paragem seguinte, onde o TOYOTA #8 caiu para o terceiro lugar.
 
Com duas horas restantes de corrida, apesar do calor intenso, os pilotos continuaram a pressionar os Porsche, no entanto, as posições mantiveram-se inalteradas, com Kazuki Nakajima e Kamui Kobayashi a cortar a bandeira de xadrez em terceiro e quarto lugares, respetivamente.
 
Kamui Kobayashi terminou ao volante do TOYOTA #7 a 13,070 segundos do colega de equipa, mas foi penalizado em 10 segundos devido a um toque com o LMP2 #24, já no final da corrida.
 
Apesar de não alcançar a terceira vitória da temporada em Austin, a equipa prepara agora, com confiança renovada, a sua corrida em casa no Fuji Speedway a 13 de outubro.
 
Hisatake Murata - Presidente da Equipa: "A equipa trabalhou muito para recuperar de uma qualificação difícil e fico satisfeito por podermos desafiar a Porsche e dar aos fãs uma corrida emocionante. Todos testemunharam hoje o nosso espírito de luta, por isso agradeço à equipa pelo seu grande esforço. Tivemos uma boa estratégia, paragens nas boxes rápidas e uma corrida com temperaturas elevadas e bastante desgastante para os pilotos. Parabéns à Porsche pela vitória. Embora não tendo vencido, o desempenho de hoje é um grande encorajamento para nossa corrida em casa. Iremos ao Fuji Speedway para lutar pelo lugar mais alto do pódio."
 
Resultados finais da TOYOTA GAZOO Racing:
TS050 HYBRID #7 (Mike Conway, Kamui Kobayashi, José María López) Terminou em: 4º, 192 voltas, 6 paragens. Posição na grelha de partida: 4º.
Volta mais rápida: 1min 47.391 segs
 
TS050 HYBRID #8 (Sébastien Buemi, Anthony Davidson, Kazuki Nakajima) Terminou em: 3º, 192 voltas, 6 paragens. Posição na grelha de partida: 3º.
Volta mais rápida: 1min 47.556 segs
 
Classificação final das 6 Horas do Circuito das Américas (COTA):
1º       #2 Porsche (Bernhard/Bamber/Hartley)                   192 voltas
2º       #1 Porsche (Jani/Lotterer/Tandy)                           +0.276 segs
3º       #8 TOYOTA GAZOO Racing                                 +21.956 segs
4º       #7 TOYOTA GAZOO Racing                                 +45.026 segs
5º        #36 Alpine (Lapierre/Menezes/Negrao)                  +15 voltas
6º        #13 Rebellion (Beche/Heinemeier Hansson/Piquet)  16 voltas
 
 
Para fotografias (Alta Res. Sem Copyright): www.toyota-motorsport-photos.com
e video do TS050 HYBRID em: http://newsroom.toyota.eu/